Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

São Paulo, 06 de Maio de 2015
Anuncie | Expediente | Conheça a Folha do Condomínio | Fale Conosco | Cadastre-se
MERCADO
Micros apês para quem trabalha no centro
05/05/2015 07:54:53
Por: da Redação


     Na região central de São Paulo, a duas quadras da estação do Metrô Pedro II, uma incorporadora irá erguer o empreendimento residencial chamado BR Caetano, com 214 unidades de 29 m², cada. O preço de cada micro apartamento está entre R$ 190 mil e R$ 210 mil e a taxa condominial será de R$ 189,00 mensais, informou a empresa.

Foto: Perspectiva (Divulgação)
Foto: Perspectiva (Divulgação)
Serão 214 unidades de 29 m², cada, sem garagem
Apesar do momento de retração do mercado imobiliário, com queda nas vendas e nos lançamentos, a Bracon, responsável pela iniciativa, acredita que a região ainda é uma espécie de eldorado para os negócios. De acordo com a incorporadora, nos últimos três meses, praticamente, todos os projetos residenciais para renda intermediária anunciados na região tiveram 100% das unidades vendidas no lançamento. Ainda conforme a empresa, o centro e seu entorno registraram valorização de 28% em 2014, o maior medido na cidade.

As unidades podem ser financiadas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (PMCMV), da Caixa Econômica Federal (CEF). O VGV ou valor geral de vendas é da ordem de R$ 50 milhões.

Além da localização, na rua Caetano Pinto, a 10 quadras da Praça da Sé, o empreendimento tem entre os principais atrativos, segundo a incorporadora, uma completa infraestrutura de lazer, disponibilidade de serviços em sistema pay per use – arrumação, faxina e mensageiro, à taxa fixa de R$ 70 mensais – e a infraestrutura de transportes e serviços da região.

De acordo com Alon Nussbacher, diretor geral da Bracon, o empreendimento foi concebido para jovens casais e casais sem filhos que trabalham no centro de São Paulo, pessoas que dependem sobretudo dos modais de transporte público e atualmente residem em outros bairros, deslocando-se diariamente. O projeto não prevê vagas de garagem.

“Ousamos dizer que não há no Brasil até o momento um empreendimento do Programa Minha Casa, Minha Vida com a qualidade e o conjunto de atributos do BR Caetano, sem falar da praticidade assegurada pelos serviços que serão oferecidos”, disse Nussbacher.

O executivo explicou que, para os apartamentos de 1 dormitório, há 4 opções de plantas, incluindo home-office e living, por exemplo. Todas as unidades contarão com varanda.

Nas áreas comuns haverá academia de ginástica e espaço equipado para fitness externo, piscina, quadra poliesportiva, playground, salão de festas, espaço gourmet, churrasqueira e bicicletário equipado com bikes elétricas para locação. O morador terá à disposição uma lavanderia coletiva que será instalada em espaço planejado para convivência.

Diferenciais de sustentabilidade vem agregados, como: aproveitamento de água pluvial e água de reuso, eficiência energética nas áreas comuns e privativas - incluindo sistema de energia solar - e infraestrutura para coleta seletiva de lixo, entre outros.



Voltar

 
Queijos Regina
Sicon
*Nelson Volyk

*Nelson Volyk

A região Sudeste está passando por um momento crítico de falta de ...

*Pedro Ricardo Serpa

A Lei 13097/2015, publicada no dia 19 de janeiro deste ano, ...
*Pedro Ricardo Serpa
     
Pisos Salariais
ZELADOR
R$ 1132,63
CESTA BÁSICA
R$ 190,08
FAXINEIRO E DEMAIS
R$ 1037,31
ASCENSORISTA
R$ 1084,97
PORTEIRO OU VIGIA
R$ 1084,97
 
 
   
Anuncie | Expediente | Conheça a Folha do Condomínio | Fale Conosco | Cadastre-se
© Copyright 2009. Folha do Condomínio. Todos os direitos reservados.